A aclamada marca italiana Moto Guzzi comemora este ano um século de vida

Inúmeras iniciativas comemorativas do aniversário culminam em Mandello del Lario, em Setembro, com o já emblemático Moto Guzzi World Days

2021 marca a comemoração dos primeiros 100 anos Moto Guzzi: um século de história de fantásticas motos e de muitas vitórias e aventuras que tornaram lendária a marca da águia.

A gama de motos, profundamente renovada com a introdução de recursos técnicos de última geração, mantem intactos todos os valores de estilo e autenticidade da marca.

Cada modelo, criado com cuidado artesanal e em compromisso com a identidade da insígnia, é construído na fábrica de Mandello del Lario equilibrando harmoniosamente o estilo clássico Moto Guzzi com a tecnologia de ponta. 

Moto Guzzi V7 centenario
Moto Guzzi V7 centenario

Cem anos marcados pelo olhar no futuro e inovação que, desde sempre, orientaram os valores e tradições Moto Guzzi

“O centenário Moto Guzzi é um momento de grande orgulho, tanto para o Grupo Piaggio (do qual a marca faz parte desde 2004) como para toda a indústria italiana.

A capacidade de inovar, a coragem de antecipar os tempos, o espírito competitivo, o amor pelo produto e a atenção dedicada à produção são competências que a Moto Guzzi conseguiu habilmente aliar ao longo dos tempos, criando relacionamentos únicos com a comunidade local.

Desde 1921, todos os veículos Moto Guzzi são construídos na fábrica de Mandello, local onde a marca nasceu e, ao longo do seu segundo século de história, tudo assim se irá manter”, afirma Roberto Colaninnopresidente e CEO do Grupo Piaggio, acrescentando “Moto Guzzi é um exemplo da excelência italiana que fez história no nosso país sem nunca perder o seu espírito jovem.

Hoje, continua a inspirar uma genuína paixão entre milhares de Guzzistas em todo o mundo”.

A águia de asas abertas, símbolo inconfundível da Moto Guzzi, sempre esteve associada à história de Itália

Foi durante a Primeira Guerra Mundial e ao Serviço da Aeronáutica da Marinha Real, que os dois fundadores (Carlo Guzzi e Giorgio Parodi) e o piloto Giovanni Ravelli, decidiram dedicar-se, depois da guerra, à construção de motos. 

Porém Ravelli, vítima de um acidente em 1919, não conseguiu realizar seu sonho e, em sua homenagem, os dois amigos (Guzzi e Parodi) escolheram a Águia como símbolo Moto Guzzi, em memória do seu amigo.

Durante os seus primeiros cem anos, a Moto Guzzi conquistou inúmeras vitórias em circuitos de todo o mundo, elevando a bandeira italiana em 14 títulos mundiais. 

Foi a moto do recorde de velocidade (símbolo do crescimento de um país que olha para o futuro), a moto da polícia e do exército e ocupou os palcos internacionais ao equipar a Polícia Californiana, as forças policiais em Berlim e a guarda do rei da Jordânia. 

Moto Guzzi
Moto Guzzi

Moto Guzzi é ainda a moto dos Corazzieri, corpo de elite que acompanha o Presidente da República Italiana

Desde a sua origem, que a Moto Guzzi é a moto das grandes viagens. Em 1928 Giuseppe Guzzi alcançou o círculo polar ao volante da GT “Norge” e, atualmente a tradição mantem-se e inúmeros viajantes em todo o mundo, partem nas suas Moto Guzzi para destinos distantes.

Hoje, a Moto Guzzi faz parte do Grupo Piaggio, o principal fabricante europeu de motos e scooters. Preservando as suas características originais e promovendo os seus valores, o Grupo Piaggio devolveu à Moto Guzzi o seu papel de liderança.

O regresso às competições (com o Troféu Moto Guzzi Fast Endurance, que este ano se realiza à escala europeia) e uma nova família de motos trouxeram Moto Guzzi de volta a uma posição privilegiada no mercado, aproximando a marca de um público mais jovem.

A clássica V7 (acabada de renascer com o novo bicilindro 850) e a enduro V85 TT (cujo conforto e facilidade de condução a tornam ideal para viagens) são os campeões de vendas da marca que, já há vários anos, renasce para uma segunda juventude.

Amada e respeitada pelos motociclistas de todo o mundo, a marca transforma os seus fãs nos principais protagonistas no Moto Guzzi World Days que, este ano se realiza, de 9 a 12 de setembro, em Mandello del Lario, e que será o culminar das comemorações do 100º aniversário Moto Guzzi.

Informações adicionais e imagens disponíveis em http://press.piaggiogroup.com

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *