De repente, um míni e muito leve para além de super transportável teclado chega para análise: é o Logitech K380 que tem dado muito nas vistas porque tem uma condução única: três teclas de diferente cor, programáveis, que vão poder ser emparelhadas com três dispositivos diferentes.

“Mas porque pediste esse teclado que só se vende por encomenda em Portugal”? Já vão ver, pois é surpreendente. Vamos a isto?

Análise Logitech K380
A diferença de tamanho com o Craft é visível até pelo Mr. Magoo

Quem daqui não tem um telemóvel, um tablet e um computador?

Bom, poderá haver alguém, mas o mais certo é usarmos este tipo de equipamentos numa base quase diária. Portanto, se há equipamento que é quase sempre usado quando mudamos de terminal de utilização, são dois: o teclado e o rato.

Muitos ratos já vêm com a hipótese de poderem ser emparelhados com dois ou três dispositivos ao mesmo tempo (desde os mais caros da própria Logitech até aos menos dispendiosos Trust, por exemplo), mas teclados não são tão usuais.

Existem umas “chinesices” e sim, desta feita em termos pejorativos, que deixam de funcionar após uns tempos ou que não comunicam bem (sei, porque tenho um algures arrumado), e esperamos sempre por uma alternativa válida, das que realmente interessam. E eis que chegou ao nosso mercado o:

Logitech K380, um teclado multi conectável por Bluetooth

Desde já, não vou mentir. Não é um teclado da gama MX, com aquelas teclas e aquele toque tão preciso e silencioso que quem começou a usar nunca mais ver opções.

O K380 é todo de plástico, muito bem construído, e até com corpo e alma (423 g para 124x279x16mm). Podemos escolhê-lo em duas cores: cinzento escuro ou azul. A mim calhou-me o cinzento com as três teclas “mágicas” em amarelo.

Este peso pode parecer alto, mas já inclui duas pilhas AAA (que a marca garante que servem para dois anos) e, atenção, sente-se a robustez de todo o conjunto o que nos transmite imediata confiança para o meter num saco e transportá-lo na bagagem ou mochila. Quatro pequenos e circulares pés de borracha mantêm-no muito estável em superfícies lisas.

Este pode ser o teclado perfeito para fazer companhia ao rato Logitech MX Anywhere 3 para um conjunto realmente de viagem e de grande qualidade.

Análise ao rato Logitech MX Anywhere 3

O modelo que me calhou tem teclado espanhol. Antigamente, quando usava os teclados da Rapoo (e de vez em quando ainda volto a um deles que tem tamanho míni), comprava e colava autocolantes em vinil com os caracteres e o posicionamento português. Mas à medida que vou mudando memorizando os ditos, nem o fiz neste modelo.

Portanto, requereu uma pequena aprendizagem mas ao fim de umas horas já estava tudo a funcionar à velocidade dos meus dois indicadores (é com eles que escrevo).

Análise Logitech K380

Configuração

Podemos emparelhar até três dispositivos diferentes e premir um dos botões numerados “Easy-Switch” no canto superior esquerdo do teclado para alternar entre eles.

O emparelhamento correu bastante bem com os meus equipamentos, um smartphone Android da Samsung, um tablet da Apple e o PC de secretária.

O teclado pode distinguir entre máquinas Mac e Windows, bem como dispositivos Android e iOS e teclas de mapa para funções suportadas e atalhos. Também suporta conectividade com dispositivos Chrome OS e Apple TV, estes dois não cheguei a testar por não possuir nada com essas características.

As teclas de função, assim como os comandos proncipais, têm mais informação que o nomeal, exactamente os atalhos de cada sistema. Podem baralhar a principio, principalmente à noite, pois não é retroiluminado, mas tudo funciona depressa e bem se estivermos habituados aos menus dos nossos equipamentos.

O teclado

As teclas (de formato redondo) estão espalhadas o suficiente para reduzir ao mínimo os erros de digitação. Quem tem dedos muito grossos, terá maior dificuldade, e não faço a mínima como será digitar com unhas de gel, mas o curso é o ideal para mim e para a velocidade com que escrevo.

Há teclas estranhas como o Caps Lock (maiúsculas) ter uma maior mesmo acima que desbloqueia essa função, pois poderia apenas ser uma, mas isso obrigaria a um led que nos avisasse do estado e entendi que a Logitech quis simplificar ao máximo toda a construção.

Análise Logitech K380

Conclusão

Simples, eficaz, muito pequeno, leve e transportável e que nos convida até a escrever as mensagens telefónicas de forma mais rápida, basta ter o smartphone numa base, o K380 conquistou-me à partida, principalmente porque também serve perfeitamente como teclado de secretária. E tem sido de uma utilização extremosa para quando vou de fim de semana, transportar apenas o iPad em vez de um laptop.

Preço

49,90€ (teclado espanhol e apenas por encomenda nos retalhistas ou distribuidor)

PS: existem mais cores noutros mercados

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *